Publicado em 03 Jul 2018

A qualidade no atendimento ao e@consumidor

Redação

O comércio eletrônico ou o e-commerce consiste na compra por meio da internet e atualmente se vende roupas, artesanato, cursos e muitas outras coisas em lojas virtuais e nas redes sociais.

Da Redação –

e-commerce2

A empresa TBroker pesquisou as 50 maiores empresas do comércio eletrônico do Brasil e revelou quais são as principais queixas dos consumidores online durante todo o ano de 2017: atraso na entrega (apontado por 48% dos clientes e presente em 38 do total de empresas avaliadas); produto não recebido (22,7% das reclamações totais e apontada em 18 dos comércios eletrônicos avaliados) e produto com defeito (15% do total de queixas online, apontado em 12 e-commerces analisados).

Esse mercado digital vem buscando a diversificação de produtos, o aumento de receita com melhoria de margens de lucro e o crescimento de vendas em nichos específicos, etc. Porém, mesmo em um cenário de consolidação, o segmento enfrentou desafios operacionais como a perda de qualidade no serviço de entrega e pós-venda e o alto custo de gestão.

Segundo a 37ª edição do relatório Webshoppers, realizado pela Ebit desde 2001, em 2017, o comércio eletrônico contou com um aumento de 8%, somando um faturamento de R$ 47,7 bilhões e deverá continuar apresentando um crescimento acelerado de 12%, com faturamento de R$ 53,5 bilhões, segundo previsões para 2018.

Esses números, de acordo com o estudo, são impulsionados pelo aumento de pedidos. No primeiro semestre de 2016, ...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica