Publicado em 06 nov 2018

USA: incêndios catastróficos causaram várias mortes em 2017

Redação

No ano passado, 21 desses incidentes resultaram em 150 mortes, acarretadas por uma série de incêndios florestais históricos na Califórnia que mataram 44 pessoas.

firePor Stephen Badger

Todos os anos, a NFPA informa sobre os mais graves incêndios e explosões de perda de vidas nos Estados Unidos, referidos como incêndios catastróficos de morte múltipla. Esses eventos são definidos como incêndios ou explosões que causam cinco ou mais mortes em uma casa ou três ou mais mortes em uma estrutura não residencial, ou em incêndios fora das estruturas, como incêndios florestais ou incêndios em veículos.

Falhas no veículo com um incêndio pós-acidente são incluídas neste estudo se um incêndio no veículo causou o acidente ou o legista local ou médico legista confirmou à NFPA que as vítimas morreram de ferimentos térmicos ou inalação de produtos de combustão, em vez de ferimentos por impacto .

Em 2017, 21 incêndios ou explosões foram considerados incêndios catastróficos de morte múltipla. Esses incêndios mataram 150 pessoas, incluindo 21 crianças menores de seis anos de idade. Desses 21 incêndios, 14 ocorreram em residências e foram responsáveis por 84 das mortes, incluindo todas as crianças com menos de seis anos de idade.

...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica