Publicado em 10 Aug 2021

Os pontos para içamento e amarração das máquinas de movimentação de terra

Redação

As máquinas de movimentação de terra são aquelas que podem mover e nivelar o solo e as rochas. Além do trabalho de construção, elas também são usadas para o manuseio de materiais, demolição, mineração e qualquer outra indústria que requeira mais energia do que a que pode ser fornecida por humanos. As peças e as ferramentas do seu maquinário de terraplenagem correm o risco de serem danificados ou completamente quebrados se um trabalhador não treinado tentar operá-los. O trabalhador corre o risco de se ferir ou machucar outras pessoas. Para proteger os funcionários e equipamentos, todos os trabalhadores precisam ser devidamente treinados para operar equipamentos de movimentação de terras. Ninguém deve operar máquinas pesadas sem treinamento e qualificação adequados, pois ele ensina aos trabalhadores os limites que uma peça específica do maquinário pesado pode ter, como usar as ferramentas certas para o trabalho, tomar as medidas de segurança adequadas e seguir as diretrizes operacionais. As etapas anteriores ao processo de movimentação de terra incluem o desmatamento: retirada de vegetação de grande porte em que, geralmente, é utilizado um trator esteira ou motosserras; o destocamento: remoção dos tocos de árvores restantes pós-derrubada, não sendo aconselhado realizar queimadas no canteiro de obras; a limpeza: retirada da vegetação rasteira; e a remoção da camada vegetal: retirada da camada de solo orgânico, que não pode ser utilizado em aterros. A movimentação de terra engloba as seguintes atividades: o corte: a remoção do solo ou rocha após escavação, visando regularizar o terreno; o aterro: a colocação de solo novo, objetivando regularizar o terreno; e o corte + aterro: conhecida como seção mista, em que o material removido é usado para compensar a necessidade de aterro de outra área e, em alguns casos, não é necessário importar material, já que a reutilização é suficiente. Por isso, deve-se entender os requisitos de desempenho dos pontos de fixação para içamento e amarração das máquinas de movimentação de solo.

Da Redação – 

No caso de obras de edificações em que o movimento de terra não for muito grande, o mesmo equipamento utilizado no movimento propriamente dito pode auxiliar na preparação do terreno. Nestes casos, dificilmente são utilizados equipamentos especiais para este fim. A situação mais comum para a execução de edifícios é a necessidade de cortes ou a situação mista de corte e aterro.

Isto se deve a que os edifícios normalmente tem os subsolos destinados a garagens o que torna difícil a necessidade de aterro em todo o terreno. Os aterros, quando necessários, devem ser realizados acompanhados dos serviços de compactação. Quando o aterro deve ser feito em terreno onde ocorre também o corte, em muitos casos a compactação é feita pela passagem repetidas vezes dos equipamentos nos locais de aterro.

Para pequenas áreas aterradas a compactação é feita manualmente através de equipamentos que podem ser rudimentares e fabricados em obras ou mecanizados. Além dessas operações básicas, como o corte, o aterro e a compactação, outras operações de caráter mais restrito são também bastante comuns, em função das necessidades d...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica