Publicado em 07 May 2019

Os ensaios em caixa de descarga para limpeza de bacias sanitárias

Redação

Normalmente, a caixa de descarga é colocada à montante para gerar a quantidade de água necessária e suficiente para produzir um funcionamento adequado que significa limpar a superfície da bacia, remover os dejetos líquidos e sólidos do poço e transportar esses dejetos a uma distância considerada adequada. O aparelho de descarga normalmente utilizado é uma caixa ou uma válvula de descarga. Existem modelos de bacias em que a caixa de descarga é fornecida junto pelo próprio fabricante. Os corpos das caixas de descarga convencionais podem ser fabricados em qualquer material, inclusive material cerâmico. No passado, eram fabricados de ferro fundido e de cimento-amianto, mas atualmente são largamente fabricados em material plástico, principalmente polietileno.

caixa2Da Redação –

Atualmente, a caixa de descarga com descarga dual oferece ao usuário a possibilidade de escolha entre dois volumes de descarga, um maior, igual ao volume útil da caixa, e outro menor, igual à metade desse volume, utilizado, por exemplo, no caso da bacia sanitária ter uma quantidade menor de dejetos líquidos e sólidos. A caixa de descarga de volume de descarga indefinido oferece a possibilidade do volume de descarga ser ajustado à vontade pelo usuário, para o valor que desejar, numa variação contínua de possibilidades.

A NBR 15491 de 11/2010 - Caixa de descarga para limpeza de bacias sanitárias - Requisitos e métodos de ensaio estabelece as condições a que devem atender as caixas de descarga destinadas a limpeza de bacias sanitárias fabricadas de material cerâmico. As caixas de descarga (todos os tipos) são classificadas pela posição da sua instalação em relação à bacia sanitária em: acopladas; integradas; convencionais: elevada, externa à parede; média altura; externa à parede; média altura, embutida na parede; baixa, externa à parede.


Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica