Publicado em 29 Sep 2020

A apresentação das folhas de desenho técnico

Redação

Um desenho é qualquer representação gráfica – colorida ou não – de formas. Desenho é a expressão gráfica da forma, não se pode desenhar sem conhecer as formas a serem representadas. O desenho é uma forma de comunicação importante, depois da palavra, pois serve à propaganda, ao humorismo, à arquitetura, à expressão gráfica da palavra, etc. É um erro se considerar o desenho como uma cópia de formas, pois ele pode representar a imaginação de uma forma não existente: afinal, pode-se considerar desenho tudo aquilo que a mão humana traduz quando quer exprimir uma ideia mesmo que não o consiga. O desenho técnico, como citado anteriormente, é uma linguagem gráfica utilizada na indústria. Para que esta linguagem seja entendida no mundo inteiro, existe uma série de regras internacionais que compõem as normas gerais de desenho técnico. É derivado da geometria descritiva, que é a ciência que tem por objetivo representar no plano (folha de desenho, quadro, etc.) os objetos tridimensionais, permitindo desta forma a resolução de infinitos problemas envolvendo qualquer tipo de poliedro, no plano do papel. O desenho técnico é um desenho operativo, ou seja, após sua confecção segue-se uma operação de fabricação e/ou montagem. Desta forma, para se fabricar ou montar qualquer tipo de equipamento ou projetos na construção civil, em todas as áreas da indústria, sempre vai se precisar de um desenho técnico. Enfim, um desenho técnico, também conhecido como desenho de engenharia, é um diagrama ou plano detalhado e preciso que transmite informações sobre como um objeto funciona ou é construído. Engenheiros, eletricistas e empreiteiros usam esses desenhos como guias ao construir ou reparar objetos e edifícios. Deve-se conhecer o formato das folhas de desenho e os elementos gráficos, a localização e a disposição do espaço para desenho, espaço para informações complementares e legenda, o dobramento de cópias e o emprego de escalas a serem utilizadas em desenhos técnicos.

Da Redação – 

O desenho técnico constitui-se no único meio conciso, exato e inequívoco para comunicar a forma dos objetos e por isso mesmo tem muita importância na tecnologia, face à notória dificuldade da linguagem escrita ao tentar a descrição da forma, apesar a riqueza de outras informações que essa linguagem possa veicular. Diante da complexidade dos problemas relativos aos projetos de engenharia e arquitetura, poderia parecer excessiva a importância atribuída à forma e à sua representação.

Os desenhos técnicos ligam a comunicação entre designers, as pessoas que apresentam as ideias e os produtores, as pessoas que colocam essas ideias em prática. Eles foram projetados como uma linguagem universal para serem compreendidos por engenheiros, empreiteiros e arquitetos. Ocorre que a forma não é um acessório nos problemas de tecnologia, mas faz parte intrínseca dos mesmos. Ao permitir o tratamento e a elaboração da forma de modo fácil econômico, ele participa decisivamente das fases da solução dos problemas.

Essas fases incluem a busca de conceitos e ideias que pareçam contribuir para a solução; o exame e a análise crítica desses conceitos, quando alguns são escolhidos e outros rejeitados; e o desenvolvimento dos conceitos escolhidos, seu aperfeiçoamento final e comunicação. Portanto, as aplicações do desenho técnico não se limitam à fase final de comunicação dos projetos de engenharia e arquitetura, mas deve-se destacar sua contribu...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica