Publicado em 16 Mar 2021

A distribuição aérea de energia elétrica com cabos multiplexados

Redação

Normalmente, as redes de distribuição de energia elétrica são constituídas por um sistema que visa levar energia elétrica desde onde foi gerada até o local onde será consumida. Essas redes complexas integram unidades geradoras, linhas de transmissão, canais de distribuição e consumidores finais de energia elétrica. A energia produzida é armazenada inicialmente em geradores e, logo em seguida, é transportada por meio de cabos aéreos fixados em grandes torres de metal. Estas são as redes de transmissão. Até chegar ao destino final, a eletricidade passa por várias subestações, lugar em que transformadores regulam a tensão elétrica de acordo com a necessidade. À medida que a energia elétrica se aproxima dos centros consumidores, as subestações, por meio de aparelhos transformadores, reduzem a tensão elétrica para que ela possa chegar às residências, empresas e indústrias. A partir daí, os cabos prosseguem por via aérea ou subterrânea, constituindo as redes de distribuição. As redes de distribuição de energia elétrica possuem basicamente três tipos de linhas: de alta, média e baixa tensão. Entretanto, a potência de distribuição pode ser dividida essencialmente em: redes elétricas primárias, as de distribuição de média tensão que, além do papel de distribuição, abrange empresas e indústrias de médio e grande porte; e as redes elétricas secundárias, as de distribuição de baixa tensão que abrange os consumidores residenciais, pequenos estabelecimentos comerciais e iluminação pública. Pode-se afirmar que existe uma padronização das estruturas para redes de distribuição aérea de energia elétrica com cabos multiplexados autossustentados para sistemas de até 36,2 kV.

Da Redação – 

A definição de uma rede de distribuição aérea é feita após a obtenção dos dados relativos às demandas dos lotes/edificações e envolve um grau de complexidade muito grande, pois são muitos os fatores que a influenciam. Por exemplo, as características físicas dos loteamentos, como os espaços disponíveis nas calçadas, espaços disponíveis para instalação dos transformadores, etc., e as características das cargas (demanda, modalidade de atendimento, localização).

Assim, deve-se entender como é estruturado o sistema elétrico de potência que engloba a geração, transmissão e distribuição de energia elétrica. A geração compreende pelas barragens, saída do gerador e subestação elevadora; a transmissão é composta pelas linhas de transmissão; a distribuição diz respeito a todas a redes de distribuição dentro das cidades. Inúmeros são os tipos de redes de distribuição de energia elétrica. Muitas vezes, estes se encontram em circuitos mistos, acarretando diversas combinações entre redes de baixa e de média tensão, variando principalmente com os padrões adotados pelas distribuidoras de energia elétrica do país bem como co...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica