Publicado em 14 Dec 2021

A Qualidade dos reguladores de pressão para uso em gases medicinais

Redação

Algumas definições são importantes. O regulador de pressão é um equipamento que reduz a pressão de entrada e mantém a pressão de saída de um gás dentro de limites estabelecidos. O regulador de pressão para centrais de cilindros deve ser instalado no painel de controle de pressão de uma fonte de suprimento composta por um ou mais cilindros ou feixes de cilindros, ou por um recipiente de armazenamento de alta pressão. O regulador de pressão para redes de distribuição deve ser instalado em uma rede de distribuição de duplo estágio ou em uma fonte de suprimento com pressão nominal de até 3.000 kPa, de modo a reduzir essa pressão até a pressão nominal de distribuição. Um sistema centralizado de suprimento é composto por central de suprimento, rede de distribuição, sistemas de alarme e monitoração e postos de utilização, cuja finalidade é o suprimento, de forma contínua, dos gases medicinais, gases para dispositivos médicos e vácuo. Dessa forma, o regulador de pressão, conectado a um cilindro de oxigênio ou de ar medicinal, serve para reduzir a pressão do gás sendo fornecido na saída de utilização até uma pressão regulada e estável, inferior à sua pressão de alimentação. O manômetro do equipamento permite ler a pressão do cilindro de gás comprimido. Associado a um fluxômetro permite, a partir de um cilindro, regular e medir o fluxo de gás destinado a ser administrado ao paciente pelas vias respiratórias. Pode ser equipado com uma tomada rápida, o que permite também alimentar um respirador ou outro equipamento médico. Há dois sistemas de conexão ao cilindro: por rosca: para cilindros grandes (maior que 4 litros em água ou 0,8 m³), por estribo que é um sistema universal para pequeno cilindro (menor que 4 litros em água ou 0,8 m³). Deve-se entender os requisitos de projeto, fabricação, métodos de ensaio e identificação dos reguladores de pressão para centrais de cilindros e dos reguladores de pressão para redes de distribuição, destinados ao uso em sistemas centralizados de suprimento de gases medicinais e de gases para dispositivos médicos em serviços de saúde.

Da Redação – 

O regulador de pressão tem como função reduzir uma pressão de entrada, variável e alta, para uma pressão de saída baixa e constante. A saída poderá ser ajustável ou fixa dependendo do tipo de regulador. Há um regulador específico para cada gás. Para o seu funcionamento, a pressão é estabilizada pelo equilíbrio da força. O regulador é composto de um sistema de diafragma de aço inox ou borracha e molas para compensação das pressões de entrada e saída.

Os cilindros de gases medicinais e de gases para acionamento de dispositivos médicos são atualmente enchidos com pressões nominais de até 25.000 kPa. Existem cilindros que podem ser cheios com pressões até 30.000 kPa. Apesar de serem utilizados em aplicações não medicinais, não existe um conhecimento adequado dos requisitos para seu uso seguro. Portanto, restringiu-se os parâmetros normativos aos cilindros enchidos com pressões de até 25.000 kPa. Uma vez que o mercado assim exija e as conexões específicas de saída das válvulas de cilindro para pressões mais elevadas tenham sido desenvolvidas, pode-se revisar as normativas para incluir os reguladores de pressão p...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica