Publicado em 21 May 2019

Vamos combinar senso de função com senso de missão

Redação

Um sonho para virar realidade dentro de uma empresa precisa ser estabelecido como algo a ser atingido e perseguido por meio de uma meta maior, para os próximos cinco ou dez anos

.

falconi

Vicente Falconi

É preciso esclarecer uma coisa logo de cara — não existe nada errado com o senso de função. O primeiro passo para um profissional é conhecer os procedimentos-padrão existentes na empresa em que trabalha e se preparar para o dia a dia.

Faço essa ressalva porque tudo isso é muito fácil de falar, mas nem sempre é feito. Grande parte das companhias (mesmo as grandes) não têm processos padronizados ou, quando os têm, os padrões são complexos ou desatualizados.



Agora, pode-se falar sobre o denominado senso de missão. Podemos chamar isso de sonho ou aspiração — e consiste em algo tão fundamental quanto o senso de função. No entanto, é rara a empresa que consegue desenvolver uma aspiração real, aquele sonho genuíno e não da boca para fora. Com o passar do tempo, as pessoas percebem muito bem o que é — e o que não é — genuíno.

Um sonho para virar realidade dentro de uma empresa precisa ser est...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica