Publicado em 18 Jan 2022

Os conceitos básicos e os princípios da gestão da inovação

Redação

Atualmente, a gestão da inovação é um ponto focal para muitas empresas, pois se não for uma prioridade para o negócio, pode-se correr o risco de estagnar as ofertas de produtos e pode sucumbir à ameaça sempre presente de interrupção. Embora toda empresa possa ter grandes ideias, apenas as organizações com uma estratégia e liderança eficaz podem transformar esses conceitos em crescimento e sucesso empresarial. A gestão da inovação, ou um sistema de gestão da inovação, é o processo de gestão de novas ideias, desde a idealização até a ação e torná-las realidade. Pode-se gerar um brainstorming e contribuições dos funcionários para descobrir conceitos ocultos. Pode-se registrar as ideias de uma forma que seja facilmente compartilhável com os principais interessados e depois discutir e criticar as ideias inovadoras para ver se elas atendem às necessidades. Após isso, deve-se decidir quais as ideias inovadoras serão executadas para maximizar o tempo e outros recursos da empresa. A gestão da inovação informa - e é informada por - metas de negócios de alto nível que geram valor significativo para sua organização. Certas ações e práticas resultarão de sua inovação, assim como sua inovação seguirá como uma resposta à sua visão de negócio e aos problemas que surgirem. Para implementar processos eficazes de gestão da inovação, precisa-se de uma comunicação excelente entre os funcionários em todos os níveis e um ambiente colaborativo para descobrir ideias inovadoras adicionais. Deve-se compreender os conceitos fundamentais e os princípios da gestão da inovação e sua implementação sistemática.

Da Redação – 

Para o leitor entender, pode-se relacionar a invenção e a inovação. A invenção é caracterizada por novidade e é limitada a ser nova, no sentido de que não existia antes, enquanto uma inovação pode ser qualquer entidade nova ou alterada, por exemplo, um produto, serviço, processo, modelo, método ou uma combinação deles. Uma inovação deve realizar valor, o que não é requerido de uma invenção que pode evoluir e se tornar uma inovação, mas uma inovação não precisa necessariamente incluir uma invenção.

Já a relação entre criatividade e inovação, pode-se dizer que a criatividade é a capacidade de conceber uma entidade original, por exemplo, uma ideia, um conceito ou uma solução para um problema. A criatividade geralmente faz parte e apoia atividades, iniciativas e processos de inovação. A criatividade também é uma característica importante de uma cultura que apoia atividades de inovação. No entanto, para alcançar inovações, a criatividade não é suficiente, tendo que ser complementada por outras habilidades e processos, por exemplo validação, desenvolvimento e implantação.

Em relação à pesquisa e inovação, p...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica