Publicado em 08 Jan 2019

Copos plásticos descartáveis necessitam cumprir a norma técnica para evitar riscos aos consumidores

Redação

Nas duas oportunidades que os copos plásticos descartáveis comercializados no país foram testados, a tendência foi que os fabricantes não vinham cumprindo a norma técnica. Dessa forma, houve uma revisão da norma e, mesmo com o compromisso de os produtores melhorarem os processos de fabricação dos produtos, o que não ocorreu, foi determinada a certificação obrigatória dos copos plásticos descartáveis. Assim, o consumidor precisa ficar atento e só comprar esses produtos com a marca de conformidade.

mauricio

Mauricio Ferraz de Paiva

O copo plástico descartável é um produto muito consumido pela população, devido à sua praticidade e ao seu baixo custo para o consumidor. É muito utilizado em escritórios, festas infantis e eventos diversos, tendo ainda a vantagem de ser um produto que não provoca acidentes, como os copos de vidro.

Segundo o Instituto Nacional do Plástico (INP), entidade que congrega as maiores associações representativas do setor de plástico, como a Associação Brasileira da Indústria de Máquinas, a Associação Brasileira da Indústria do Plástico, a Associação Brasileira da Indústria Química e o Sindicato das Indústrias de Resinas Sintéticas do Estado de São Paulo, a elaboração de uma norma para o setor teve ativa participação do empresariado. No entanto, a despeito desses fatos, o próprio programa de qualidade setorial, coordenado pelo INP, que verificou, nos últimos dois anos, a qualidade dos copos plásticos descartáveis e abrangeu todas as marcas disponíveis no mercado, constatou que o setor produtivo não procurou se adequar aos requisitos normativos.

...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica