Publicado em 31 Mar 2020

O gestor de TI e os desafios da administração do budget

Redação

A administração do budget cabe exclusivamente ao gestor de TI, certamente. Entretanto, ocasionalmente, pode-se encontrar gestores com dificuldades para colocar o orçamento no caminho certo.

Anderson da Fonseca - 

 

Naturalmente, as empresas amadurecidas colocam à disposição do gestor de TI um orçamento anual para ele dar conta de todos os custos da área. Os acionistas, o board e a alta direção normalmente entendem muito de negócios, mas não possuem o conhecimento necessário para se envolverem com as questões envolvendo a Tecnologia da Informação. Deixam, então, o desafio para quem entende a missão de planejar o que se faz necessário para obter resultados nesta área.

Um olhar ingênuo sobre a situação nos permitiria considerar quão maravilhosa seria aquela verba toda à disposição para fazer acontecer na TI. Certamente, estamos aqui apenas imaginando que ela possa ser realmente suficiente.

Ingenuidade à parte, nós sabemos que, na vida real, a coisa não é bem assim. Para começar, o orçamento normalmente é menor do que deveria ser e as necessidades latentes e urgências do dia a dia tornam este orçamento ainda mais escasso, insuficiente. Com as necessidades básicas de infraestrutura, segurança e gestão, a situação se complica quando temos que cumprir as novas exigências que surgem pelo caminho, incluindo LGPD, GPDR e os padrões regulatórios de cada vertical de mercado.

A administração do budget cabe exclusivamente ao gestor de TI, certamente. Entretanto, ocasionalmente, eu me encontro com gestores com dificuldades para colocar o orçamento no caminho certo. Sendo assim, respeitosamente, posso sugerir alguma...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica