Publicado em 18 Feb 2020

A conformidade das torneiras

Redação

Todas as torneiras possuem três componentes principais: um bico, uma alça e uma válvula. Elas vêm em diversos tamanhos, formas e decorações, dependendo do seu uso e de algumas considerações estéticas. Todas elas têm de obedecer à norma técnica, a fim de que cumpram as recomendações destinadas à abertura, fechamento e controle de vazão de água potável.

torneira2Da Redação –

Antigamente, as torneiras funcionavam da seguinte maneira: havia um cilindro, com um orifício perpendicular ao seu eixo, que era inserido no cano. A água, então, passava ou não pelo orifício, conforme a posição do cilindro. Esta mesma torneira de encaixe foi usada durante toda a Idade Média.

No século XIX, a água passou a ser fornecida às casas com o auxílio de bombas a vapor, o que exigia outro tipo de torneira, que pudesse suportar o aumento da pressão da água. Foi assim que surgiu a torneira de rosca, inventada na Inglaterra em 1800 por Thomas Gryll. Semelhante às torneiras modernas, ela possuía um parafuso que forçava um anel vedante contra uma superfície plana, interrompendo assim o fluxo da água.



As válvulas das torneiras podem ser compressão, cartucho, bola e discos cerâmicos. Antes de 1940, todas as torneiras usavam válvulas de compressão que contêm arruelas, de forma que, quando elas ficam velhas, a torneir...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica